©
A censura na história

Um exemplo de cesura ocorreu no século XVI, quando a Igreja Católica criou o Index librorum prohibitorum (Índice dos livros proibidos). Esse índice continha títulos de livros que contradiziam a doutrina da Igreja Católica e, portanto, sua elaboração visava evitar que os fiéis se rebelassem.

A censura na história

Uma das obras mais conhecidas a entrar na lista dos livros proibidos pela Igreja Católica foi O princípe, do filósofo Nicolau Maquiavel, no ano de 1513 e publicada pela primeira vez em 1532. Nessa obra, Maquiavel defendeu a necessidade de soberania do governante para que a estabilidade do Estado fosse mantida, o que pode ter provocado a inclusão do livro no Index.

A censura na história

Outro importante pensador proibido de divulgar suas ideias científicas e filosóficas foi Galileu Galilei (1564-1642), condenado pelo tribunal da Inquisição da Igreja Católica por defender a teoria desenvolvida por Nicolau Copérnico (1473-1543), segundo a qual o Sol estava no centro do universo. Até então, o modelo cosmológico aceito era o defendido por Ptolemeu, que afirmava que o planeta Terra se encontrava no centro do universo e que os demais astros orbitavam em torno dele. Galileu não só provou a teoria heliocêntrica proposta por Copérnico como também a aprimoriou com seus estudos e observações. Permaneceu até o fim de sua vida em prisão domiciliar. Três séculos depois, a Igreja reconheceu seu erro sobre a condenação de Galileu.

Galileu enfrenta o tribunal da Inquisição da Igreja Católica
A censura na história

Quando estudamos a limitação das liberdades e as formas de censura na história, pode parecer, em um primeiro momento, algo distante da nossa realidade, não é mesmo? Mas você sabia que, no Brasil, já houve censura de ideias e manifestações artísticas?

Galileu Galilei perante o Tribunal da Inquisição
A censura na história

Durante o período de Ditadura Militar, muitos artistas tiveram suas obras censuradas. Nesse período, os órgãos de censura e repressão avaliavam as diversas formas de manifestação artística existentes, decidindo quais poderiam circular.

Galileu Galilei perante o Tribunal da Inquisição
A censura na história

Um exemplo de manifestação artística censurada é a peça Roda Viva, de 1967, escrita por Chico Buarque de Hollanda e dirigida por José Celso Martinez Correa. A obra conta a história de uma figura pública manipulada pela indústria fonográfica e levanta reflexões sobre a temática do consumismo execessivo. Assista a um trecho de vídeo em que Chico Buarque comenta sobre a escrita da peça Roda Viva.

A censura na história

A censura representa um modo de controle de nossas ações e pensamentos. Certamente, não é bom a proibição de divulgação de ideias. Entretanto, é necessário estar atento quando se comunica, pois a liberdade não pressupõe a ofensa. Deve-se exigir liberdade de pensamento e ação, mas sem esquecer do respeito ao próximo e de que cada um é responsável por suas próprias ações. Pense nisso!

pessoa pensando